Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10884/1487
Title: Gestão escolar e diversidade cultural: análise da educação pública municipal de Imperatriz/MA
Authors: Melo, Caroline Moreira
Keywords: Multiculturalidade
Gestão escolar
Inclusão
Formação profissional
Issue Date: 2020
Citation: Melo, Caroline Moreira (2020). Gestão escolar e diversidade cultural: análise da educação pública municipal de Imperatriz/MA. Barcarena: Atlântica-Escola Universitária de Ciências Empresariais, Saúde, Tecnologias e Engenharia
Abstract: Introdução: Discutir temáticas ligadas à educação multicultural poderá ajudar na promoção da inclusão social. A gestão escolar deve ser eixo articulador da inclusão de pluralidades, construindo políticas educacionais reais para a valorização da diversidade cultural. A gestão escolar é um dos grandes desafios das escolas públicas municipais da cidade de Imperatriz/MA, perante a multiculturalidade existente. Objetivo: Identificar se existe gestão escolar adequada à diversidade cultural em escolas da rede pública municipal da cidade de Imperatriz/MA. Metodologia: Estudo epidemiológico do tipo observacional transversal realizado em 6 escolas públicas da Rede Municipal de educação de Imperatriz/MA. A informação foi recolhida pela aplicação de um questionário desenvolvido e aplicado a 5 Gestores Escolares, 2 Vice-Gestores, 7 Coordenadores e 35 professores das modalidades de Educação Fundamental dos anos iniciais, anos finais e Educação de Jovens e Adultos. Resultados: A grande maioria dos Gestores/Vice-Gestores (71%) e dos Coordenadores (86%) têm um tempo de trabalho no cargo até 3 anos mas 67% e 71%, respetivamente têm formação especializada na área da gestão escolar e/ou educacional. Contrariamente, 60% dos professores têm experiência de pelo menos 9 anos em educação mas que apenas 20%, têm especialização na área da gestão escolar e/ou educacional. Em relação à adequação do Projeto Político-Pedagógico à diversidade multicultural existente, todos os Gestores/Vice-Gestores e Coordenadores referem que o mesmo é adequado e praticamente todos os professores (33) também concordam. Apenas 7 professores referiram não participarem nos projetos implementados no âmbito da diversidade escolar, contrariamente a 60% dos Gestores/Vice-Gestores. Conclusão: A gestão escolar parece ser adequada à diversidade cultural nas escolas avaliadas da rede pública municipal da cidade de Imperatriz. No entanto existem algumas limitações em relação à formação específica dos professores, envolvimento dos Gestores/Vice-Gestores escolares, número de projetos específicos e ações práticas a implementar para ultrapassar as dificuldades da multiculturalidade.
URI: http://hdl.handle.net/10884/1487
Appears in Collections:CE/GEST - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação de Mestrado Gestão Atlântica 2017-2018- Caroline Melo - FINAL08042020.pdf765.51 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.