Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10884/1308
Title: Fatores da Gestão Escolar que Promovem a Democracia e a Participação
Authors: Silva, David da Costa
Keywords: Gestão escolar
Democracia
Participação
Issue Date: Jul-2018
Citation: Silva, David da Costa (2018). Fatores da Gestão Escolar que Promovem a Democracia e a Participação. Barcarena : Atlântica-Escola Universitária de Ciências Empresariais, Saúde, Tecnologias e Engenharia
Abstract: Atualmente o tema gestão tem se tornado dimensão fundamental para o sucesso de qualquer empreendimento e na educação tem se demonstrado como um grande desafio a ser superado. Assim o presente estudo de investigação teve como objetivo identificar quais são os fatores que contribuem para uma gestão escolar democrática e participativa. Para a realização da referida investigação foi utilizado a Análise de Conteúdo por ser esta uma ferramenta teórico-metodológica com grandes possibilidades de êxito na interpretação dos dados e informações coletados. Quanto aos demais procedimentos metodológicos, optamos por uma abordagem qualitativa e em relação ao procedimento técnico selecionamos o estudo de caso. Tal procedimento de análise e interpretação se deu com o amparo da produção literária mais atualizada como: Santos, B. D. S. (2002); Marques, L. R. (2008); Souza, D. B., Castro, D. F.. (2012); Pereira, S. M. (2011); Freitas, K. S. (2008) e outros enumerados nas referências. A delimitação da pesquisa se restringiu a apenas uma escola da rede municipal de educação da cidade de Floriano (PI) - Brasil, onde os sujeitos da pesquisa foram: o gestor escolar, a coordenadora pedagógica, um técnico-administrativo, um professor, uma zeladora, um vigilante, um pai e um aluno. Esta é uma escola considerada de porte médio dentro do sistema municipal de educação da cidade, com aproximadamente cento e quarenta e três alunos, divididos em dois turnos (manhã e tarde), oferecendo a comunidade local o Ensino Fundamental I (que vai do 1º ao 5º ano da Educação Básica). Os resultados obtidos nesse estudo deixaram evidente que os intervenientes entrevistados nessa investigação acreditam que os fatores da gestão escolar que promovem democracia e a participação são: a implementação e/ou ampliação do processo de eleição para gestores escolares somada à implementação e/ou efetivação de colegiados escolares como grêmios estudantis, conselho de pais e mestres e conselho de classe para a adoção de uma gestão escolar democrática com preponderância da perspectiva de abordagem sociocrítica de Brito e Carnielli (2011, p.31) sobre as demais (abordagem técnico - cientifica e abordagem mista);Os resultados evidenciaram que se torna urgente ações a serem efetivadas no cotidiano da escola investigada, como: a implantação de eleição para gestor escolar em todas as escolas da rede municipal, a criação de espaços de decisão coletivos, a adoção de medidas para mobilizar, conscientizar e incentivar maior adesão por parte dos intervenientes (professores, funcionários, pais e alunos), com direito a voto e a voz ativa, como também incentivar a formação continuada dos intervenientes (internos e externos) no que concerne a fatores de gestão mais democráticos de modo a ampliar a participação e assim qualifica e amplifica a democracia no interior escolar. Portanto, podemos concluir que os resultados evidenciaram que de modo geral os intervenientes participantes dessa investigação identificam tanto fatores de gestão necessários a ampliação da democracia quanto da participação no âmbito da gestão escolar como alternativa de superação da situação de gestão em curso.
URI: http://hdl.handle.net/10884/1308
Other Identifiers: 201965054
Appears in Collections:CE/GEST - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Mestrado em Gestão 2018.5 12072018b.pdf927.51 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.