Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10884/1123
Title: Avaliação do conhecimento geral sobre suplementos alimentares em Lisboa
Authors: Paulo, Eliaby Ribeiro de
Keywords: Questionário de Ingestão de suplementos em Lisboa
Vitaminas e minerais
Issue Date: 2017
Citation: Paulo, Eliaby Ribeiro de (2017). Avaliação do conhecimento geral sobre suplementos alimentares em Lisboa. Barcarena: Universidade Atlântica
Abstract: Os suplementos estão em todo lado, aqui no tomate, ali no pepino ou naquele comprimido. Ora nos comprimidos entre tantas outras fontes que hoje em dia temos acesso facilitado ou não, enganado ou não, necessário ou não! É de facto pertinente, numa população que tem crescido a esperança média de vida investigar se a suplementação faz parte do dia-a-dia, de que forma e se é feita com responsabilidade. É de facto sabido que há um défice de vitaminas e minerais que ficam acentuados numa certa idade e para isso há uma variedade de opções no mercado, na televisão, nas farmácias, no rádio, o vizinho, o amigo e o “outro” que vai medicando aqui e ali, a si próprio e aos outros. Acontece atualmente, e é preciso está em alerta. Com um total de 19 artigos selecionados foi então possível fazer um estudo sobre o conhecimento geral sobre os suplementos (vitaminas e minerais). Verificamos que de facto há muita falta de conhecimento em relação as funções das vitaminas A, B (complexo), C, E, e K, já a vitamina D é bastante conhecida, mas nem todos sabem a função fisiológica da mesma. O envelhecimento associado a falta de vitaminas e minerais leva com certeza uma maior preocupação e consequentemente uma maior procura pelos suplementos, mas neste estudo demostra que dentre os 218 entrevistados apenas 38,95% ingerem algum tipo de suplemento, sendo que destes 38,95% apenas 29,41% têm idade entre os 51 e 80 anos, sendo a grande maioria (51,76%) com idade entre os 28 e 50 anos. O que demostra uma preocupação também dos mais novos cada vez mais. O objetivo desta pesquisa foi avaliar de forma geral o conhecimento relacionado aos suplementos (vitaminas e minerais), através de um inquérito direcionado a população que vive em Lisboa sem seleção de parâmetros específicos, feito de forma aleatória e com um público misturado. Em relação aos minerais observa-se elevado conhecimento em relação ao Ferro, Cálcio e Magnésio com as suas respectivas funções, a maioria dos entrevistados alegam recorrer aos suplementos para prevenir doenças e aliviar o cansaço. Ainda concluiu-se que dos que tomam suplementos, apenas 38,82% são da área da saúde e maioritariamente são mulheres (67,05%).
URI: http://hdl.handle.net/10884/1123
Appears in Collections:CS/ACSP - Trabalhos Finais de Licenciatura

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Projecto Final-Eliaby.pdf2.09 MBAdobe PDFView/Open
Projecto Final-Eliaby.pptx2.07 MBMicrosoft Powerpoint XMLView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.