Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10884/898
Title: Efeitos da dieta cetogénica versus dieta hipolipídica com restrição calórica na obesidade: revisão sistemática de ensaios clínicos aleatório
Authors: Pires, Rosa Maria Moreira
Keywords: Dieta cetogénica
Factores de risco cardiovascular
Obesidade
Perda de peso
Revisão sistemática
Issue Date: 11-Jul-2014
Abstract: Introdução: Existem poucos estudos que comparam uma dieta cetogénica (DC) com a convencional dieta hipolipídica de restrição calórica (DHRC). Sendo a DC constituída maioritariamente por gordura, principalmente saturada, as dúvidas quanto ao seus efeitos deletérios ao nível cardiovascular e à sua possível vantagem na perda de peso permanecem sem resposta. O objetivo do presente estudo é avaliar o efeito da DC na perda de peso e nos marcadores metabólicos cardiovasculares comparativamente ao efeito da DHRC em ensaios clínicos aleatórios conduzidos em indivíduos adultos com pré-obesidade ou obesidade. Métodos: A procura de artigos realizou-se nas bases de dados “MEDLINE”, “CENTRAL”, “ScienceDirect”, “Scopus”, “SciELO” e “ClinicalTrials.gov”, sendo ainda incluídas bases de dados de literatura cinzenta e feita pesquisa manual pelas referências apresentadas em revisões anteriores e nos vários artigos obtidos. A procura baseou-se em ensaios clínicos aleatórios, contemplando intervenções de pelo menos 4 semanas com indivíduos adultos cujo índice de massa corporal foi superior a 25 kg/m², alocados para uma DC (≤ 50g de hidratos de carbono (HC) por dia ou 10% das calorias diárias a partir de HC) ou para uma DHRC (menos de 30% das calorias provenientes de lípidos). Resultados: Sete estudos (491 indivíduos) preencheram os critérios de inclusão da revisão. Na maioria dos estudos houve diferenças significativas entre a DC e a DHRC, sendo a DC aquela que apresentou maiores reduções de peso, triglicéridos (TG), insulina, glicose e insulino-resistência e maiores aumentos nas lipoproteínas de alta densidade (HDL) e lipoproteínas de baixa densidade (LDL). Conclusão: A DC parece apresentar benefícios no tratamento da obesidade sem prejuízo da função cardiovascular. No entanto, é necessário algum cuidado ao analisar estes resultados, pois a informação existente é reduzida, apresenta algumas limitações e os marcadores inflamatórios que avaliam o risco cardiovascular não foram investigados.
URI: http://hdl.handle.net/10884/898
Appears in Collections:CS/CN - Trabalhos Finais de Licenciatura

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Artigo_Rosa_Pires.pdf438.97 kBAdobe PDFView/Open
Memoria_Rosa_Pires.pdf338.93 kBAdobe PDFView/Open
memória final.pdf48.61 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.