Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10884/756
Title: Cálculo do Coeficiente de Difusão Aparente (ADC), em Neoplasias Gástricas
Authors: Fernandes, Mariana
Almeida, Liliana
Keywords: Neoplasia Gástrica
Ressonância magnética
Imagem ponderada por Difusão
Coeficiente de Difusão Aparente
Issue Date: 2011
Citation: Fernandes, Mariana ; Almeida, Liliana (2011). Cálculo do Coeficiente de Difusão Aparente (ADC), em Neoplasias Gástricas. Barcarena : Universidade Atlântica
Abstract: Com o desenvolvimento da Ressonância Magnética ao nível dos estudos funcionais surge, a Ressonância Magnética Ponderada por Difusão (DWI), uma técnica não invasiva, que é capaz de avaliar a estrutura dos tecidos biológicos. Esta baseia-se na medição da difusão das moléculas de água, que nos tecidos biológicos, corresponde ao movimento destas moléculas nos espaços intracelular, extracelular e nos espaços intravasculares. A análise das Imagens Ponderadas por Difusão pode fornecer informações qualitativas e /ou quantitativas que podem ser úteis, principalmente, na avaliação de tumores. Com este estudo pretende-se avaliar a importância da Imagem de Ressonância Magnética Ponderada por Difusão, na análise de Neoplasias Gástricas. Neste estudo foi utilizada uma amostra composta por 18 doentes, 14 do sexo masculino e 4 do sexo feminino, como idades compreendidas entre os 43 e 83 anos (68 ± 11 anos). Os doentes foram seleccionados com base em dois critérios: confirmação do diagnóstico de neoplasia gástrica e lesões passíveis de serem medidas com uma ROI mínima de 15 pixéis. A confirmação histopatológica foi obtida com base na ressecção cirúrgica dos doentes. O ADC foi calculado utilizando três valores de b (b = 50, 400 e 800 mm2/s). Na amostra referida anteriormente, foram analisados, 23 gânglios, 3 lesões tumorais e 3 lesões hepáticas. Relativamente às lesões analisadas, os gânglios apresentaram uma média de ADC médio de (1,46 ± 0,45) 10-3 mm2/s. Após a análise geral dos gânglios, estes foram agrupados por estadios, de acordo com o resultado histopatológico, nos quais foram obtidas as seguintes médias: no estadio N0 – (1,43 ± 0,36) 10-3 mm2/s; no estadio N1- (1,27 ± 0,30) 10-3 mm2/s; no estadio N2 – (1,69 ± 0,70) 10-3 mm2/s e no estadio N3A – (1,54 ± 0,47) 10-3 mm2/s (p = 0,614). Quanto às lesões tumorais analisadas, estas apresentam um valor de ADC médio de (1,29 ± 0,79)10-3 mm2/s, e as lesões hepáticas um valor de ADC médio de (1,68 ± 0,41) 10-3 mm2/s. Com base nos resultados obtidos podemos concluir que a Imagem de Ressonância Magnética Ponderada por Difusão é uma técnica promissora na análise das Neoplasias Gástricas, nomeadamente na detecção de gânglios invadidos.
URI: http://hdl.handle.net/10884/756
Appears in Collections:CS/RAD - Trabalhos Finais de Licenciatura

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Monografia - Final.pdf2.16 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.