Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10884/655
Title: Ecoturismo - Estudo de Caso: Zmar-Eco Camping Resort
Authors: Carvalho, Nuno
Keywords: Turismo / Tourism
Turismo sustentável / Sustainable Tourism
Ecoturismo / Ecotourism
Critérios de Certificação / Certification criteria
Certificação / Certification
Issue Date: 2012
Abstract: O turismo é uma actividade com grande importância para a economia nacional, conforme se pode comprovar pela análise de indicadores como o emprego ou o PIB. Portugal, além do sol e mar, concentra na sua reduzida área geográfica, um potencial enorme de outras atracções, que deve aproveitar, desenvolver e divulgar, contudo, apesar de beneficiar dos muitos impactes positivos provenientes da actividade, deve ter em conta os impactes negativos na gestão que faz do turismo, com o objectivo de o fazer perdurar, com a qualidade que é desejada. O turismo sustentável surgiu da noção de desenvolvimento sustentável que se expandiu e alargou-se a actividades económicas específicas, incluindo o turismo, sendo importante que todo o tipo de turismo seja feito de forma sustentável. O ecoturismo, considerado uma forma de turismo sustentável, que envolve todos os seus princípios, preocupações económicas, sociais, ambientais e os seus impactes, distingue-se, por serem produtos ligados à natureza; com mecanismos de gestão que garantam minimização dos impactes; que fomentam a educação ambiental; que contribuem para a conservação das áreas protegidas e heranças culturais; que incluem as comunidades locais no seu planeamento e desenvolvimento, contribuindo para o seu bem-estar. No entanto, também no ecoturismo são identificados impactes negativos, que deveriam ser mínimos ou inexistentes, podendo estes surgir devido ao uso incorrecto do termo. Os programas de certificação e a definição de standars globais, têm a potencialidade de harmonizar os critérios de avaliação e torná-los mais claros e reconhecidos em qualquer parte do mundo. Deste modo, procedeu-se à construção de uma proposta de programa de certificação com base na análise de documentos e referências internacionais e confrontou-se com as práticas de um empreendimento que utiliza o termo ecoturismo, “ Zmar – Eco – Camping Resort”, com o objectivo de perceber, se o termo é ou não respeitado, de acordo com os princípios que caracterizam o ecoturismo. Em resultado dessa análise, verificou-se que o Zmar tem consciência dos impactes negativos da sua actividade e tenta minimizá-los através da implementação de todo um conjunto de práticas referidas na análise de resultados em que tenta cumprir esses objectivos, considerando-se por isso, um bom exemplo a ser seguido. Contudo, estas práticas não parecem surgir completamente inocentes, mas sim como uma estratégia de marketing montada com o objectivo de diferenciar-se positivamente no mercado em que compete e está inserido, considerando-se que a sua intenção é, seduzir um alargado número de clientes. Os que procuram o sol e mar, e aproveitam na sua localização a proximidade do mar, assim como, um crescente número de pessoas, sensíveis aos problemas sociais e ambientais.
URI: http://hdl.handle.net/10884/655
Appears in Collections:CTAD/GAT - Trabalhos Finais de Licenciatura

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ecoturismo-Zmar.pdf1.35 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.